CIMBRA - Comunidades integrantes

« retornar à página anterior


Mosteiro de São José

Mosteiro São José

A Abadia de São Bento, de Atchinson, Kansas, Estados Unidos, tomou a decisão de fundar um mosteiro no Brasil em 1960. Com a incumbência de fundar esse mosteiro na futura cidade satélite de Gama (DF). Chegaram ao Rio de Janeiso, em 1961, três monges: D. Othon Sullivan, D. Esteven Burns e D. Mathias Schimidt, coordenador do grupo. Não deu certo a fundação em Brasília e, a convite de D. Benedito Coscia, OFM, bispo da Diocese de Jataí(GO), os três foram para Mineiros, onde fundaram, no dia 26 de abril de 1962, o Mosteiro São José. Chegaram a Mineiros, no mesmo ano da fundação do Mosteiro São José , D. Ralph Koehler e D. Heriberto Hermes. Depois desses pioneiros, a Abadia ainda enviou os seguintes monges: D. Eric J. Deitchman e D. Luke Wenzel (1965); D. Rui Roy e D. Robert Heiman (1971); D. Jude (Tadeu) Burbach, D. Franklin Hiberger, Henry Deters e Quirino McInerney (1975); D. Denis Meade e o Abade Owen Purcell também passaram um tempo, o primeiro de dois anos e o segundo de um ano, nesse Mosteiro. Dos monges pioneiros, D. Mathias se tornou bispo de Ruy Barbosa (BA), onde faleceu, e D. Heriberto se tornou bispo de Cristalândia (TO), onde exerce o ministério. Dão continuidade, hoje, à vida monástica, nesta Fundação: D. Joaquim Carlos Carvalho (Prior), D. Josias Dias da Costa (Sub-Prior), D. Quirino MaInerney, D. Rui Roy e Ir. Rodrigo Perissinotto, que fez dia 4 de fevereiro de 2001, a sua Profissão Solene.

Mosteiro São Bento

Em 1987, diante da necessidade do Mosteiro São José para formar seus novos monges, foi fundada, em Goiânia, uma casa de formação, que durou até 1992. Passaram por ela D. Joaquim Carlos Carvalho, D. Rui Roy e D. José Machado. Essa necessidade de formar novos monges em Goiânia foi-se tornando mais forte e, por decisão da comunidade, D. Joaquim Carlos, o Prior, foi enviado, dia 17 de julho de 1988, à capital goiana, para fundar o Mosteiro São Bento. No início de 2000 o Prior voltou para Mineiros, deixando Ir. Rodrigo responsável, junto com ele, pela formação. Com a volta do Prior para Mineiros, a comunidade incumbiu D. Josias Dias Costa, que cuidava da Animação Vocacional, de ir para Goiânia, para fazer, a partir de lá, um trabalho de animação vocacional.


TRABALHOS E ATIVIDADES
Em Mineiros: responsabilidade pela Paróquia e suas mais de 30 comunidades e também mais de 30 pastorais e movimentos eclesiais; atividades educacionais na Fundação Municipal de Ensino Superior; pregação de retiros para religiosos, sacerdotes e leigos; assessoria a escola de pais e entidades filantrópicas etc.

Em Goiânia : formação de postulantes, noviços e professos; estudos dos postulantes no Ateneu Dom Bosco e dos professos na Universidade Católica de Goiás, trabalhos na casa ( jardim, área de preservação, horta, galinheiro etc); catequese nas comunidades próximas; celebrações litúrgicas na capela do Mosteiro e aos fins-de-semana nas comunidades dos bairros próximos do Mosteiro; participação do Diretor no Tribunal Eclesiástico de Goiânia.

SUPERIOR
Prior Dom Josias Dias da Costa

Diretor do Mosteiro São Bento de Goiânia: Dom Denis Meade OSB

« retornar à página anterior


página inicial  .  contato  .  topo da página